Júnior Tapajós (PR)

Sessão ordinária de 05 de dezembro de 2017.

 

Em seu pronunciamento desta terça-feira (05/12), o vereador Júnior Tapajós (PR) realizou a leitura de um e-mail  a ele endereçado pelo empresário Ivair Chaves, no qual ele relata a situação vivida pelo empreendimento dele em relação à Receita Estadual, em que desde outubro deste ano estaria impedido de comprar ou vender mercadorias por conta do que ele chama de “perseguição” por parte da Secretaria de Estado da Fazenda (SEFA).

No e-mail, Ivair informa que teria sido multado em 10 milhões de reais pela secretaria, a qual teria alegado falta de pagamento de impostos, taxas e obrigações, o que não procederia, segundo o empresário. A situação, de acordo com o vereador, estaria levando Ivair a buscar alternativas para evitar maiores desgastes e demissões em massa neste período de crise financeira pelo qual passa o país.

O parlamentar pediu, então, aos pares que promovam um encontro do empresário com o secretário de Fazenda do Estado. Tapajós direcionou o pedido, especialmente, a Ney Santana (PSDB), que mantém contato constante com o Executivo Estadual, e a Alaércio Cardoso (PRP), que é empresário e luta pelas causas empresariais. Segundo o primeiro vice-presidente da Mesa Executiva, Ivair Chaves alerta que se não houver solução para esse problema, poderá fechar a empresa, o que acarretaria em mais um número de desempregados no município.