Embarcações são os ônibus da Amazônia”, diz Antônio Rocha ao tratar de questão com navios atracados em local na Rua do Imperador

0

O emedebista foi à tribuna, na sessão desta segunda-feira (12/08), para registrar que reuniu com servidores da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMMA) devido à reclamação sobre dois navios dele que estariam atracados onde funcionava a Usina Imperador.

O parlamentar destacou que, por conta da construção do cais, foi desativado o porto improvisado da Praça Tiradentes, e para dar o exemplo a outros donos de embarcação, ele teria sido o “primeiro que tirei os navios de lá”.

Segundo o vereador, há um morador que reclama de todas as embarcações que atracam neste local da usina, além disso, completou, teria sido construída casa à beira da praia, desrespeitando a determinação da Marinha, que preconiza uma distância de 10 a 15 metros da beira do rio.

Antônio Rocha convidou principalmente os pares que, assim como ele, são empresários do ramo da navegação, para reunirem com a Capitania Fluvial de Santarém. “O errado é quem está construindo ilegal”, ponderou o parlamentar, acrescentando a importância do transporte aquaviário para o município. “Essas embarcações são os ônibus da Amazônia”.

Compartilhar:

Os comentários estão fechados.

Acessibilidade