Angelo Tapajós presta contas de viagens a Brasília e Belém.

0

O parlamentar reuniu com senadores, deputados e secretarias, lutando por demandas de Santarém
para a juventude, ribeirinhos e o novo plebiscito pelo estado do Tapajós.

O vereador Angelo Tapajós (Republicanos) discursou em sessão ordinária na Câmara Municipal de
Santarém nesta segunda-feira (08) destacando sua visita a Brasília, no período de 25 a 28 de outubro,
e a Belém entre os dias 03 a 05 de novembro. Ele ressaltou a importância das viagens, onde esteve
em agenda com diversos políticos, levando algumas demandas de Santarém.

Em Brasília, o parlamentar reuniu com alguns senadores para solicitar apoio na votação do novo
plebiscito para a criação do Estado do Tapajós. “Destaco a importância da comitiva liderada pelo
presidente do ICPET Jean Leitão solicitando votos de apoio dos senadores ao novo plebiscito”
comentou o vereador. Em encontro com alguns com representantes da Secretaria Especial de
Comunicação Social na pessoa de Marcel Fleury (Coordenador geral de conectividade) e Juraci
Gontijo (Agente de Telecomunicações) o Republicano levou a demanda de implementação do projeto
Wi-Fi Brasil para comunidades em Santarém.

Em relação a viagem para Belém, o Pastor Angelo Tapajós explicou que foi convidado para
representar toda a juventude santarena e a Câmara Municipal de Santarém para participar da III
Semana da Juventude, realizado pela Assembleia Legislativa do Pará (ALEPA), por meio da
Comissão Permanente de Prevenção às Drogas (COPRED), cujo objetivo é desenvolver atividades
de cultura, esporte e lazer para a juventude do nosso Estado.

Em seu discurso o vereador ainda agradeceu o apoio do Deputado Federal Vavá Martins para os etor
de saúde de Santarém. “Quero parabenizar o Dep. Federal Vavá Martins que já destinou R$ 15 mi
em emendas parlamentares para Santarém“, pondera o vereador. O deputado se comprometeu em
conseguir mais R$ 500 mil para a saúde do município.

Por Welder Souza – Assessor de Imprensa do vereador Angelo Tapajós

Compartilhar:

Os comentários estão fechados.

Acessibilidade