Energia no Lago Grande: população continua sendo prejudicada pela constante oscilação

0

O tema em questão, apesar de já ter sido bastante comentado e tratado na tribuna da Câmara, até o momento não teve solução, e segundo o vereador Júnior Tapajós (PL), as famílias que moram na região do Lago Grande seguem sofrendo com a constante oscilação de energia elétrica, principalmente ao menor sinal de chuvas e temporais, o que consequentemente acarreta na suspensão do serviço de internet e telefones rurais, os únicos meios de comunicação utilizados pelos moradores.

“A parte mais prejudicada é a do Baixo Lago Grande, esse problema só tem se intensificado, chegando a região a ficar até mais de 24 horas sem energia e internet, o que é um absurdo”, disse o parlamentar.

Tapajós argumentou ainda sobre os prejuízos que esse problema acarreta, principalmente para os comerciantes, que chegam a perder mercadorias, tudo isso pela falta de manutenção na limpeza debaixo da rede elétrica que é de responsabilidade da concessionária Equatorial Energia, que não dispõe de uma equipe estabelecida na região do Lago Grande, somente no município de Juruti, o que torna o deslocamento distante.

A ausência dessa equipe técnica, relatou o vereador, tem proporcionado um risco sem tamanho para as famílias que acabam fazendo essa ligação das chaves de energia por conta própria, assumindo risco contra a vida.

“Infelizmente essas pessoas têm assumido esse risco, porque se forem esperar pela equipe de manutenção podem passar até 48 horas sem energia, uma vez que o protocolo para a solicitação da manutenção tem que ser cumprido para que a equipe se desloque”, conclui.

O vereador destacou ainda que todo esse problema já se arrasta por um bom tempo, o que afeta a qualidade de vida e a economia das famílias das comunidades.

“Vou solicitar mais uma vez da Equatorial Energia uma resposta para as várias solicitações que já foram feitas em relação ao problema e que desta vez possa ser dada uma solução”, finalizou o parlamentar.

Por Márcia Reis – Assessora de Imprensa do vereador Júnior Tapajós

Compartilhar:

Os comentários estão fechados.

Acessibilidade